Presente da Aly

Presente da Aly
Lindo! Lindo.

DICAS

Caro leitor ao visitar o blog, seja mais curioso, visite-o com mais curiosidade, nunca leia apenas o texto que encontrar primeiro, muitas vezes logo abaixo você encontrará textos mais interessantes, além disto existem informações sobre o (a) escritor(a) que lhe poderão serem informações valiosas.
Obrigada pela visita e deixe seu comentário.
Volte sempre.
Íris Pereira

SEXTA-FEIRA, 28 DE MAIO DE 2010

O Céu Fala Comigo



  Existem tantas formas de amar, mil maneiras eu diria, algumas bem sucedidas, correspondidas, enlouquecidas, desesperadas, até as calmas, as duvidosas, as chorosas, as alegres, as tristes, irritantes, 
mentirosas, as desafiadoras, as audaciosas, românticas, despretenciosa...Ha! Como amar é divisível em 
tantas maneiras...Existe até a mais honrosa que é a amar sem nada receber  e quando recebe qualquer que
seja a migalha, muito lhe parece e seu coração se aquece, não importa o quanto for, só lhe importa que o seu
sorriso foi pra ele, seu alô foi ouvido por ele, sua voz...Ha! Sua doce voz que lhe acalma a alma e faz cantar
e compor a mais linda canção pra você. São migalhas sem promessas, nunca amá-lo foi seu projeto, só a
amizade sincera prometeu e seu coração se alegra com essa migalha que para ele é o céu com lua cheia de
estrelas faiscando  dizendo numa mensagem muda: Ela existe e você a ama.
    Íris Horizonte

4 comentários:

Iris Pereira disse...

Este texto fiz para um amigo e tudo que eu escrevi foi por ele sentido, hoje tudo parece mudado, aquela a quem ele amava já não ama mais. Que interessante são os sentimentos, capazes de confundirem nossas cabeças, ora morremos de amor, ora sentimos só uma saudade do que passou...Extranho , muito extranho esse coração terra de ninguém.
Íris Pereira

Luiz Lisboa disse...

Íris,tava eu ouvindo o céu quando uma estrela me falou:Reflete Reflete,etão fiz um poeminha esplicativo.

Se escrevo,iris são cores
Não é preconceito nem costume
Se falei,iris são flores
É porque tem seu perfume
Se gritei,Íris guerreira!
Nunca baixe seu volume
Quando repito,Íris capaz
Não é para provocar ciúmes
Quem achou pouco demais
Tem menos luz que um vagalume.

Íris um abraço.

Iris Pereira disse...

Iris Pereira disse...
Existem pessoas que só vemos uma unica vez e nos identificamos como se sempre estivéssemos juntos, é como se noutros tempos tivéssemos tido sido criados juntos. Foi assim comigo e o Luiz Lisboa, acho que já até dei esta explicação, mas gosto de falar nisto, pois ele se tornou muito importante, para minha vida pessoal como para meus projetos de escrever, pois ele me dar força com seus poemas, suas visitas e seus comentários.
Obrigada caríssimo amigo.
Adorei seu poema e desculpe por não ter me controlado e fiz uma brincadeira com ele, sem propósito de tirá-lo do serio, mas ficou bonito, não ficou?
Iris Reflete

Arcoiris No Horizonte disse...

Amigo Luiz Lisboa, Obrigada mais uma vez pela gentileza e pelo mimo dedicado à mim, nem sei se faço por merecer, mas tenha certeza, que tudo que faço é vontade em agradar.
Fiz aquele complemento tipo respondendo, muito embora nada entenda de poema nem de poesias, meu negocio é só escrever o que o que vem em minha cabeça e no meu coração.
Desde que te conheci só tenho recebido gentilezas, dificilmente um homem tem tanta coragem, mesmo sendo poeta de se expressar tão romanticamente assim para alguém que não conheça bem.
Penso as vezes que é o meu nome que facilita tanto aos poetas criarem seus poemas e poesias. Pois minha pessoa é sem graça, normal e comum.
Agradeço de todo coração.
Um forte abraço
Íris Pereira

Sobre a Autora

Minha foto
Ribeirão Preto, SP, Brazil
3 partes de uma mulher: Maria da qual escrevo seu passado, seus sentimentos e suas verdades. Irismar já sem a Maria, companheira, amante, irmã, mãe, avó, sogra e amiga. Finalmente Iris a parte que reflete sobre as duas e tenta escrever o que descobre entender destas duas mulheres que são tão diferentes.

Seguidores